Fotos: Arthur Targino
Clique aqui para visualizar mais fotos

A representação das raças zebuínas aumenta gradativamente em cada edição da Expointer

Por: Marcia Benevenuto

Diante do palanque central do Parque Assis Brasil, em Esteio/RS, está montada a pista de julgamento das raças zebuínas. Esse ano a ACGZ (Associação de Criadores Gaúchos de Zebu) fez a inscrição de 302 animais. Esse número representa um crescimento de 15,2% no volume de exemplares de pista dentro da mostra que é considerada uma das maiores da América Latina. O gado instalados nos pavilhões de corte e leiteiro foi levado dos criatórios de 39 expositores, sendo 30 selecionadores do Rio Grande do Sul e os outros 9 do Paraná, de São Paulo e de Minas Gerais.
A novidade deste ano fica por conta do maior número de raças participantes. Além das raças Brahman, Gir, Gir Leiteiro, Guzerá, Indubrasil, Nelore e Tabapuã, o Sindi, fez sua estréia em gramados gaúchos, com 27 animais de selecionadores paulistas. O gado está sendo julgado pelo zootecnista Roberto Vilhena Vieira, jurado efetivo da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e com vasta experiência em julgamentos de diferentes raças e exposições pelo Brasil (inclusive Expozebu, em Uberaba-MG).
Além dos julgamentos, a ACGZ participará pela segunda vez da vitrine da carne gaúcha em conjunto com a ABCZ e o Grupo Marfrig, hoje (3/09) e amanhã (4/09), além da realização de degustações de carne zebuína durante a feira.

Fonte: ABCZ